Procedimentos Estéticos

BIOPLASTIA

A belíssima atriz Angelina Jolie é, para muitas pessoas, considerada um ideal de beleza. Não é para menos, tem um corpo bem definido, cabelos longos e brilhantes, rosto marcante e, claro, lábios sensuais e carnudos. Mas, engana-se quem pensa que este tipo de boca é sinônimo de sensualidade só agora. Durante os anos 60, Brigitte Bardot já fazia muito sucesso! Há cirurgias para quem quer um resultado permanente, tratamentos estéticos para quem quer exibir um sorriso carnudo por determinado período e, claro, alguns batons que dão um up instantâneo, mas bem passageiro. Escolha qual método você quer para conquistar lábios à la Jolie. O processo de envelhecimento facial é uma das áreas mais estudadas da cirurgia plástica e inúmeros tratamentos estéticos foram desenvolvidos ou aperfeiçoados no sentido de revertê-lo. A idade vem chegando e uma série de mudanças ocorrem, entre as quais podemos citar o olhar triste e cansado, manchas e a formação de vincos e rugas devido à perda da elasticidade e do turgor da pele. Com o passar dos anos, as rugas ficam cada vez mais evidentes e profundas. Deste modo, as substâncias utilizadas no preenchimento atuam com o objetivo de reduzir tais depressões, tornando a face mais jovem e uniforme. Além disso, há uma série de técnicas cirúrgicas que podem ser associadas com o objetivo de reposicionar os tecidos com ptose e atenuar as marcas do tempo. Como a prevenção ainda é a melhor maneira de manter os lábios lindos, lembre-se que o tabagismo e a exposição solar aceleram o envelhecimento da pele deixando-a cheia de rugas e com uma cor amarelada. Antes de recorrer aos tratamentos, é importante manter a saúde dos lábios com o uso diário de filtros solares e substâncias hidratantes.

  • A partir de quantos anos é indicado o preenchimento facial com ácido hialurônico?
  • O preenchimento facial não tem uma idade certa para ser iniciado. Pode ser usado em cicatrizez deprimidas, marcas na pele resultantes de outros traumas. É mais usado para camuflar as marcas do tempo. Nestes casos, em geral após os 30 anos.
  • Como agem os preenchedores?
  • Como o próprio nome diz, preenche os espaços, distendendo as rugas, tornando-as mais superficiais ou até invisíveis. Também hidrata e melhora a passagem de nutrientes para a pele. Em outras palavras, as rugas e vincos são disfarçadas. Na prática é um tipo de "escultura facial" onde exaltamos o que é harmônico e belo e camuflamos o que esta em desarmonia. A figura abaixo ilustra como age o preenchedor.
  • É necessário anestesia para sua aplicação?
  • Na maioria das vezes não. O procedimento é rápido (em torno de 10 minutos). Algumas vezes associado à anestesia tópica (pomada ou resfriamento) e raramente bloqueio dos nervos com infiltração. Em geral, o procedimento é bem tolerado, mesmo sem anestesia.
  • Quais os tipos de preenchedores?
  • Existem preenchedores definitivos (metacrilato ou PMMA) e preenchedores temporários (ácido hialurônico e outros). É de preferência do autor o uso apenas de preenchedores temporários. E dentre eles o AH. Apesar de ser liberado para este uso, o autor não utiliza o PMMA para fins de preenchimento facial. A principal desvantagem do ácido hialurônico é o seu custo. É a principal queixa tanto de médicos e pacientes. Se o seu tratamento está muito mais barato que a média, possivelmente seu tratamento não é com ácido hialurônico.
  • Quais os locais mais comuns em que se aplicam os preenchedores?
  • Praticamente todas as rugas e vincos da face podem ser preenchidas com acidohialuronico. Os locais mais comuns, com melhores resultados são as rugas entre as sobrancelhas, ao redor dos olhos e "bigode chinês". É muito usado também para rugas ao redor dos lábios e para aumentar o volume dos lábios. Abaixo ilustramos os pontos que podem ser tratados com AH.
  • A cicatriz é muito visível?
  • A dermolipectomia clássica, em geral, deixa uma cicatriz ampla, porém facilmente camuflável pelas roupas de banho usuais. Imagine um prolongamento para ambos os lados da cicatriz da cesárea. O tamanho da cicatriz não é fixo, variando de acordo com a estrutura corporal. Lembramos que a evolução da cicatriz para um "traço fino" ou "cordão grosso e alto", na maioria das vezes, depende muito mais das características pessoais e raciais do que da técnica utilizada. (Leia mais sobre queloides e cicatriz hipertrofica).
  • O que pode "dar errado" com uso de preenchedores?
  • No caso dos preenchedores definitivos, existe o risco do organismo não aceitar o produto (rejeição). Este risco é praticamente nulo com o ácido hialurônico. Com AH pode ocorrer vermelhidão no local da aplicação (resolve-se em até 48h), áreas endurecidas (regride em 2 semanas) e hematomas no local da punção. Podemos ainda citar o risco do paciente não gostar do resultado, o que é raro quando feito com parcimônia e boa técnica. É comum aplicarmos gradualmente e não "tudo de uma vez". A técnica permite pequenos retoques após algum tempo. Assim minimizamos o risco de arrependimento.
  • Qual a vantagem de usar preenchedores temporários?
  • Caso o resultado não seja o esperado, basta ter um pouco de paciência que retornará exatamente ao que era. Caso o resultado agrade, pode ser repetido quantas vezes for necessário. Não impede o uso de outras técnicas (toxina botulinica, cirurgias e etc). Praticamente inexiste o risco de rejeição.
  • É comum o uso de Botox associado aos preenchimentos?
  • É muito freqüente e benéfica esta associação. A toxina botulinica (Botox) pode prolongar a duração do acido hialuronico. Sem contar que a melhora das rugas e vincos é mais expressiva quando o tratamento é associado.
  • Vale a pena fazer preenchimento??
  • Desde que você entenda a limitação do procedimento e os cuidados, vale sim a pena. A grande vantagem do preenchimento com acido hialuronico é não alterar a imagem facial. Apenas camufla o que esta em excesso. Não há mudanças drásticas na fisionomia. Não desfigura e não tira a identidade da pessoa. Apenas atenua as marcas do tempo. Como dissemos, a principal queixa dos pacientes (com razão) é o custo do tratamento com acido hialuronico. Produtos de boa qualidade e boa técnica permitem resultados muito naturais. Nomes comerciais dos ácidos hialuronicos mais usados: Surgiderm, Restylane, juvederm.
  • Em quanto tempo posso voltar às minhas atividades?
  • Em quanto tempo posso voltar às minhas atividades?O local pode ficar inchado e com hematomas por cerca de 1 semana, mas o retorno é no dia seguinte na maioria dos casos.
  • Há alguma contraindicação?
  • Algumas pessoas com doenças autoimunes, grávidas ou mulheres que estão amamentando
  • Quando devo fazer?
  • Em qualquer idade. Não há restrição para a utilização dos preenchedores em pessoas jovens desde que haja necessidade real. Porém, os problemas que podem ser corrigidos com o preenchimento costumam surgir após os 30 anos em função do processo de envelhecimento.


SUBCISION


TRATAMENTO DE CELULITE
É unânime que o bumbum das brasileiras é um sucesso mundial. Mas será que você faz jus a essa fama? Corra para frente do espelho e veja se precisa colocar seu bumbum em tratamento.
Não é de hoje que o bumbum brasileiro atrai olhares (masculinos e femininos) dos estrangeiros e tornou-se referência nos consultórios médicos. Até mesmo a atriz Cameron Diaz já declarou inúmeras vezes que gostaria de ter um bumbum mais cheinho como o das brasileiras.
O cirurgião plástico norte-americano Brian Evans, um dos integrantes do programa Dr. 90210, ficou conhecido não só pelos pacientes famosos, mas por ter como assinatura o BrazilianButtAugmentation. Quando se pensa em bumbum bonito não tem como não associá-lo ao das mulheres brasileiras.
O nome da técnica Subcision é originado do inglês, Subcutaneous IncisionlessSurgery, que em tradução literal significa 'cirurgia subcutânea sem incisão'. Descrita em 1995 como uma nova alternativa cirúrgica para a correção de rugas e cicatrizes deprimidas da face, chegou ao Brasil dois anos depois e foi utilizada pela primeira vez para o tratamento da celulite.
SUBCISION E A CELULITE
Subcision é uma técnica cirúrgica usada para a correção de rugas e sulcos da face, cicatrizes deprimidas e outras alterações do relevo cutâneo, incluindo a celulite. Em tais condições, a pele encontra-se retraída por septos de fibrose subcutânea.
Antes do procedimento é preciso passar por uma avaliação clínica criteriosa onde é possível detectar condições que podem comprometer sua realização. É importante investigar distúrbios da coagulação, tabagismo, fatores nutricionais, infecção local e história de cicatrizes hipertróficas e/ou quelóides. Além disso, determinar o número de sessões necessárias para o tratamento, que vai variar de acordo com o tamanho, profundidade, localização do defeito e a tendência individual à formação de colágeno.
Com a técnica, as traves fibróticas subcutâneas são seccionadas para liberar a tração que elas exercem sobre a pele. No procedimento cirúrgico são também seccionados vasos sanguíneos, presentes junto aos septos, resultando na formação de hematomas. Esses hematomas estimulam a formação de novo tecido conjuntivo que vai preencher o local tratado e redistribuir a gordura.
O Subcision pode ser utilizado em conjunto com a lipoescultura, para o preenchimento cutâneo, corrigindo as depressões do relevo que aparecem após a lipoaspiração, nas cicatrizes deprimidas, nas áreas que sofreram trauma ou nas celulites. Contudo, essa técnica não é indicada para a correção da celulite de graus mais leves, como os graus I e II, nem para o tratamento de flacidez de pele ou gordura localizada. O procedimento é de pequeno porte, seguro e só pode ser realizado por médicos.

  • Posso pegar sol?
  • Ocorre formação de equimose (mancha roxa) no local da subcisão e o sol deve ser evitado até a cor da pele voltar ao normal, o que pode demorar de tres a seis meses.
  • Posso pegar sol?
  • Ocorre formação de equimose (mancha roxa) no local da subcisão e o sol deve ser evitado até a cor da pele voltar ao normal, o que pode demorar de tres a seis meses.
  • Preciso fazer repouso?
  • As atividades físicas devem ser interrompidas na primeira semana após o procedimento no caso do tratamento da celulite. Mas a paciente não precisa se ausentar do trabalho ou de atividades sociais.
  • Quantas sessões são necessárias?
  • O número de sessões é definido em avaliação médica com intervalo de 30 a 45 dias entre cada procedimento.
  • Posso associar a subcisão com algum outro tratamento?
  • Sim. A subcisão deve ser associada ao preenchimento local com gordura ou acido hialuronico. Os preenchedores definitivos são proibidos por desencadearem reação de corpo estranho a longo prazo.

  • TOXINA BOTULÍNICA



    É só falar a palavra Botox® que, rapidamente, vem à mente a imagem das artistas de Hollywood, todas elas lindas e com os rostos bem esticadinhos sem nenhuma ruga aparente. Realmente, não dá para desvincular esse estereótipo tão marcante, mas saiba que a toxina botulínica tipo A foi criada há 20 anos também para fins terapêuticos e não somente estéticos, como a maioria das pessoas pensam. Ela fez o caminho inverso. Primeiro, ficou conhecida no mundo como um tipo de “fonte da juventude” para, só depois, atentarmos para as suas aplicações na área da saúde. O uso do produto foi liberado em 1989 pelo FDA (FoodandDrugAdministration), órgão americano que fiscaliza os medicamentos naquele país, como uma alternativa não cirúrgica para tratar o estrabismo. No Brasil, ele chegou em 1992, quando foi autorizado para o tratamento de doenças musculares. Com o tempo, novas descobertas foram surgindo e hoje a toxina botulínica tem inúmeras aplicações. A Toxina Botulínica, mais conhecida pelo nome comercial Botox®, é uma opção simples, segura e efetiva nos tratamentos de rugas de expressão da face e pescoço, desde que aplicada por um profissional tecnicamente habilitado para o procedimento.
    DE OLHOS BEM ABERTOS
    Quer deixar seu olhar mais evidente e sensual? Então, já para o consultório! A toxina botulínica, quando aplicada nos músculos corrugadores da testa, prócero do nariz e orbicular dos olhos, diminuem o efeito depressor que eles têm sobre as sobrancelhas, aumentando a abertura dos olhos.
    MOLDURA DOS OLHOS
    Ninguém contesta: a sobrancelha é capaz de mudar uma mulher. É só ver aqueles programas de transformações para perceber o quanto o desenho das sobrancelhas pode mudar a expressão da pessoa, ou até mesmo rejuvenescer. Sabe aquele olhar triste, caído… A mulher pode estar a mais feliz da vida que não vai transmitir isso pelo olhar, por causa das sobrancelhas caídas. A solução? Arqueá-las! Aplica-se na região frontal, acima das sobrancelhas, uma quantidade maior do produto e menos na região lateral. A Toxina Botulínica, mais conhecida pelo nome comercial Botox®, é uma opção simples, segura e efetiva nos tratamentos de rugas de expressão da face e pescoço, desde que aplicada por um profissional tecnicamente habilitado para o procedimento.
    DEZ ANOS MAIS JOVEM
    O uso da toxina botulínica para o rejuvenescimento facial é um dos mais conhecidos. Na verdade, a sua fama vem daí. A aplicação é feita nos músculos da expressão facial da testa, glabela (entre os olhos), ao redor dos olhos, canto da boca e na ponta do nariz.Mulheres que estão em busca de um rejuvenescimento natural sem precisar recorrer a uma cirurgia plástica. Também é aconselhável para aquelas que pretendem se prevenir da formação de linhas de expressão.
    SORRISO ALINHADO
    Muitas mulheres sofrem com o chamado sorriso gengival. A correção, no entanto, pode ser mais fácil do que se imagina. Há duas maneiras de se aplicar a toxina para este caso: nos músculos elevadores do lábio superior ou nos músculos depressores do septo nasal. Ao relaxar a musculatura, durante o sorriso, a gengiva não fica tão exposta.
    OLHA O DECOTE
    A temporada das blusas decotadas está chegando e um colo cheio de rugas é capaz de arruinar qualquer produção. Para atenuá-las, adivinhe? Toxina botulínica! A aplicação é feita entre os músculos peitorais (exatamente entre os seios) e no músculo platisma (na região do pescoço). Em média, são 15 injeções superficiais na região do colo, com distância de aproximadamente dois centímetros entre os pontos. Isso é suficiente para que os músculos da região relaxem e as linhas da área V se atenuem. Esta técnica pode ser combinada com outros tratamentos antifotoenvelhecimento para tratar aquelas rugas mais profundas.
    SAIBA COMO FUNCIONA
    A toxina botulínica tipo A - mais conhecida como Botox® - é uma potente neurotoxina produzida pela bactéria Clostridium botulinum que atua bloqueando a ação de neurotransmissores nos músculos e levando à paralisia dos locais aplicados. Botox® é a marca comercial americana e foi a primeira a ser liberada para uso estético (em rugas de expressão), por isso é a mais conhecida e tornou-se sinônimo do procedimento. Existem, ainda, o Dysport® (Suécia), o Prosigne® (China), Neuronox® (Koreia) e Xeomin® (Alemanha). Os efeitos da toxina começam a aparecer nos locais aplicados por volta do 2º ou 3º dia após a aplicação, sendo que os sintomas de enfraquecimento e paralisia da musculatura duram em média 6 a 8 meses, podendo variar de pessoa para pessoa e do número de aplicações já realizadas. O procedimento pode ser realizado no consultório com pomadas anestésicas e/ou gelo para minimizar o desconforto. Alguns pacientes podem apresentar, após a aplicação, sintomas como cefaléia, discreta dor local e equimoses (manchas roxas) nos locais da injeção, que costumam desaparecer em poucos dias. É um dos tratamentos estéticos mais utilizados no mundo, em função da praticidade de sua aplicação e dos ótimos resultados no curto prazo. Na face, pode ser aplicada em qualquer grupo muscular que apresente rugas de expressão exageradas, principalmente na testa, na glabela (região entre as sobrancelhas), nos pés de galinha próximos aos olhos, ao redor dos lábios e na região cervical. Seu uso é contra-indicado em gestantes, mulheres que estão amamentando, imunodeprimidos, alérgicos a qualquer componente da droga e pacientes com algum processo infeccioso ativo na face (por exemplo, herpes labial). Procedimento muito indicado para pacientes que procuram rejuvenescimento facial, mas não querem submeter-se a um procedimento cirúrgico como o lifting facial. É uma opção simples, segura e efetiva nos tratamento de rugas de expressão da face e pescoço, desde que aplicados por um profissional tecnicamente habilitado para o procedimento. A toxina botulínica (Botox ®) é uma das grandes maravilhas no combate as rugas. O seu uso no mundo todo cresce dia a dia. Tanto homens quanto mulheres de todas as classes sociais tem aderido ao uso deste recurso. Pessoas que trabalham com o público, vendedores, comerciantes, professores e profissionais liberais representam o público cativo. A tão falada "boa aparência" já deixou de ser "vaidade" e passou a ser "necessidade" para o mercado de trabalho. A face representa seu cartão de visitas.
  • Existe uma idade ideal para começar a aplicar Botox?
  • Não existe uma idade ideal para começar as aplicações. Existem pessoas que apresentam, desde a adolescência, tendência a formar muitas marcas de expressão quando sorriem ou falam. Juntamente com outros fatores, esta ação continua sobre a pele pode formar marcas definitivas na pele: as rugas. Sendo assim, quem tem muitas marcas de expressão, colhe muitos benefícios iniciando suas aplicações precocemente.
  • O Botox previne envelhecimento?
  • O Botox não previne envelhecimento. Ele evita o aparecimento de rugas na testa e ao redor dos olhos. As rugas representam apenas um dos componentes do envelhecimento. Uma vez marcadas na pele, mesmo sem contrair o músculo, as rugas necessitarão de outros tratamentos (peelings, preenchedores), pois somente o Botox não resolve estes casos. O melhor é se precaver, iniciando as aplicações antes que as rugas fiquem marcadas.
  • Em quais regiões do rosto o Botox pode ser aplicado?
  • Os locais mais comuns e com melhor resultado são a região dos olhos (pés de galinha) e na fronte (testa e entre as sobrancelhas). Rugas e marcas excessivas entre as sobrancelhas conferem aspecto de zangado. Outros locais são o pescoço e próximo à boca.
  • É verdade que o Botox pode ser usado para "diminuir o suor" em quem tem "hiperidrose"?
  • É verdade. Quem transpira muito nas axilas pode realizar a aplicação no local. O resultado é a diminuição importante do suor. Nas mãos, pode ser aplicado mas é um pouco mais doloroso. A duração do efeito é aproximadamente 5 meses.
  • Como o risco de ficar muito "esticada" aplicando Botox?
  • Muito raramente isto acontece. O que ocorre, na maioria das vezes, são resultados artificiais vistos nos meios de comunicação onde tudo foi exagerado (cirurgias, peelings, botox, preenchimentos). O Botox, quando aplicado por profissionais treinados, dificilmente trará resultados artificiais. O mais interessante é que VOCÊ pode escolher qual grupo muscular quer paralisar. Converse com seu médico.
  • É verdade que a sobrancelha pode "subir" após a aplicação?
  • É verdade. Quem tem a sobrancelha caída pode ser beneficiado. Quando aplicado em pontos específicos pode haver elevação de alguns milímetros da sobrancelha. Este efeito é rejuvenescedor. Não sobe a níveis artificiais. O resultado é bem natural.
  • Qual a duração do Botox?
  • A duração média é de 4 a 6 meses. Após 3 meses, o músculo deixa de ficar totalmente paralisado e volta, muito gradualmente, a contrair-se. O resultado não some de um dia para o outro. Gradualmente o efeito some e o músculo retoma sua atividade. Em algumas pessoas (com muita sorte) o efeito pode ser maior do que 6 meses.
  • Ouvi dizer que depois de algum tempo o corpo "acostuma" e perde efeito, é verdade?
  • Isto não é verdade. Raríssimos casos em que o organismo passa a ser resistente aos efeitos são relatados. Você pode usá-lo 2 vezes ao ano, com tranquilidade e segurança.
  • O Botox serve para corrigir o "bigode chinês"?
  • Não serve. É comum as pessoas confundirem os "preenchedores" com o Botox. O "bigode chinês" necessita de preenchedores para ser atenuado. O mais usado é o ácido hialurônico. O Botox somente é usado para paralisar o músculo e diminuir as rugas. Não serve para dar volume.
  • Botox preenche o lábio?
  • Não preenche. Esta é outra dúvida comum. Para preencher os lábios é comum o uso do ácido hialurônico. O Botox pode ser usado em conjunto com o preenchedor para prolongar o efeito do mesmo, pois a musculatura do lábio é enfraquecida.
  • Existe algum problema usar Botox e preenchimento com ácido hialurônico juntos?
  • Não existe nenhum problema. Na realidade é até mesmo recomendado esta prática. O Botox pode prolongar o efeito do ácido hialurônico, pois, devido à paralisia muscular, o preenchedor corre menor risco de migrar e ser absorvido. São duas ótimas opções para o rejuvenescimento facial.
  • Existe algum problema aplicar o Botox e realizar cirurgias na face??
  • Não existe. Aliás, o Botox enobrece e valoriza o resultado da cirurgia. Uma face firme e mais desenhada combina mais com um olhos sem pés de galinha e testa sem rugas.
  • O que pode dar errado?
  • Em mãos treinadas muito pouca coisa pode dar errado. O mais desagradável e dramático efeito colateral é o enfraquecimento do músculo que eleva a pálpebra de cima. Neste caso (ptose palpebral) a pálpebra fica caída. A maioria das vezes este efeito indesejável está relacionado a alterações da anatomia do indivíduo ou falta de preparo do profissional. A boa notícia é que este efeito dura pouco. Relembramos: Isto é a raridade da raridade. É muito comum ficar roxo nos pontos de picada. Nada que uma maquiagem não disfarce.
  • Existe alguma recomendação para prolongar o efeito do Botox?
  • A duração do efeito depende de "quanto a pessoa usa o músculo". Quem faz mímicas excessivas, constantemente força a vista para tentar ler ou proteger da luz tem o efeito encurtado. Use óculos de grau se precisar, óculos escuros quando sair ao sol. Algumas medicações encurtam a duração. Pergunte a seu médico.
  • Quando surge o efeito?
  • No dia seguinte da aplicação algum efeito será sentido. "Pele repuxando" e "pele esticando" são alguns dos relatos dos pacientes. Após o terceiro dia, boa parte do efeito já se instalou. O efeito final será somente após 2 semanas.
  • Vale a pena aplicar o Botox?
  • Desde que você não espere resultados milagrosos a resposta é: Sim, vale a pena. É um tratamento seguro, bons resultados e segurança comprovada. Esta também provado que previne a formação de novas rugas e atenua as já instaladas. Trata-se de um excelente artifício cosmético. Use-o com moderação.
  • O que são rugas dinâmicas?
  • As rugas dinâmicas ou rugas de expressão são aquelas provocadas pela contração muscular da mímica facial, levando ao longo do tempo à formação de vincos na pele.
  • O que são rugas dinâmicas?
  • As rugas dinâmicas ou rugas de expressão são aquelas provocadas pela contração muscular da mímica facial, levando ao longo do tempo à formação de vincos na pele.
  • O tratamento com a toxina botulínica deixa a pessoa sem expressão?
  • Quando o procedimento é realizado sem exagero, tratando os grupamentos musculares que produzem mais rugas, a expressão da pessoa mantém-se. Vale à pena lembrar que nem todas as pessoas têm “pés de galinha” quando sorriem e nem por isso seu sorriso é inexpressivo.
  • Dói para aplicar?
  • Por ser injetada com uma agulha muito fina, a maioria dos pacientes relata que a aplicação é perfeitamente suportável. Pessoas mais sensíveis podem utilizar um creme anestésico (Emla®), aplicado 30 a 60 minutos antes do procedimento para atenuar o desconforto.
  • Em quanto tempo o efeito ocorre?
  • O efeito começa a ser observado nas primeiras 48 horas e aumenta gradativamente nos 15 dias subsequentes à aplicação, quando alcança seu efeito máximo e estabiliza-se.
  • A exposição ao sol atrapalha?
  • Não há evidências de que os raios solares interferem no tratamento. No entanto, lembre-se de que o sol é o principal responsável pelo envelhecimento cutâneo. Evite-o ao máximo.
  • Há efeitos colaterais?
  • Não são conhecidas reações alérgicas à toxina botulínica, porém, podem ocorrer efeitos colaterais transitórios como dor de cabeça após o procedimento ou ptose palpebral (abaixamento da pálpebra superior). Outro efeito colateral possível é a formação de equimoses (manchas roxas) nos locais das injeções.